em viagem
em viagem

Saiba tudo sobre Amsterdam: a capital da diversidade!

Afinal, onde fica Amsterdam? É de conhecimento público que ela é tida como a capital da diversidade, liberdade e juventude, mas sem uma pesquisa no Google algumas pessoas ainda não conseguem definir ao certo qual a localização do destino, além do fato de que ele é na Europa. E mesmo assim, pode não ficar claro.

Hoje, por meio desse post, essa dúvida cairá por terra e você sempre poderá informar, numa conversa de bar ou em assuntos mais formais, onde fica Amsterdam, com detalhes!

E se tiver o Google Maps por perto a conversa só melhora, pois até isso vamos te ensinar! Mas não é só isso: saiba conosco se vale a pena viajar para esse destino multicultural e o que fazer por lá!


Canal em Amsterdam
Amsterdam é chamada de “Veneza do Norte” por ser cortada por vários canais

Países Baixos e Holanda são a mesma coisa?

Na verdade, não. Por mais que no Brasil insistamos em nos referir ao (país) Países Baixos como Holanda, a segunda, na verdade, é uma região do país.

Região essa que ainda é dividida em duas províncias: a Holanda do Norte e a Holanda do Sul. Deste modo, a Holanda representa duas províncias dos Países Baixos, que, por sua vez, é o nome correto do país.

Sabíamos que essa não era a primeira pergunta que você queria respondida aqui, mas acredite, essa simplificação fará toda diferença para entender, de fato, onde fica Amsterdam.

Leia também: como preparar um roteiro de viagem perfeito? Veja 10 dicas!

Amsterdam: onde fica no mapa?

Ela é a cidade e capital mais populosa de todo o Reino dos Países Baixos, e está localizada mais precisamente na região oeste da província da Holanda do Norte (sacou?):

Existe mais um dado importante sobre a localização que vale ter em mente: a maior parte do território de Amsterdam está localizada ao norte de Randstad, sendo uma zona metropolitana dos Países Baixos que vai de Amsterdam a Roterdão:

Sim, Amsterdam é uma cidade litorânea, mas, na verdade, é conhecida por suas extensões de canais onde cada agrupamento de quarteirões são ilhotas ligadas por charmosíssimas pontes. Não é a toa que a cidade é conhecida como a “Veneza do Norte”!

Sobre a cidade

Amsterdam é considerada a quinta cidade europeia com mais influência e importância no mundo dos negócios, estando atrás de Londres e Frankfurt, e de suas vizinhas Paris e Bruxelas.

Se não fosse suficiente ainda a economia superaquecida do local, Amsterdam é uma das cidades mais encantadoras do continente europeu, seja no inverno ou no verão.

A atmosfera dessa capital holandesa (do norte) não pode ser encontrada em nenhum outro lugar no mundo, motivo pelo qual o destino é tão turístico e versátil: você pode viajar sozinha, visitar em família ou desbravar as belezas da cidade com amigos, opções não faltarão em qualquer uma das hipóteses!

Incrivelmente, ainda não para por aí! A arquitetura é de tirar o fôlego desde o Aeroporto Internacional de Schiphol Amsterdam até a chegada nos canais e nas ruas que dão lugar a mais ciclovias e bicicletas do que carros. Você vai se sentir vivendo uma cena de filme na capital holandesa!

Ah! Agora sim, te contamos tudo sobre Amsterdam, certo? De maneira alguma! As melhores atrações da Europa também estão neste destino, principalmente quando falamos de museus, mas esse é um assunto para o próximo tópico.

A multiculturalidade de Amsterdam

Não tem como falar dos Países Baixos e da região da Holanda sem trazer a tona o multiculturalismo. Por exemplo, você sabia que na Holanda existem mais restaurantes estrangeiros do que restaurantes holandeses?

Isso se dá, principalmente, pela gama de moradores e turistas que chegam de diversas partes do mundo para conhecer e enriquecer (economicamente e culturalmente) a região. A cidade já chegou a ter residentes de mais 177 nacionalidades em seu território, imagine então para turismo!


Van Gogh Museum, Amsterdam
O Museu Van Gogh é o museu mais visitado da Holanda.

Ao falar de Amsterdam precisamos, também, destacar os seus museus (que seguem tanto a linha da divulgação artística, como da exaltação de outras culturas).

O destaque, neste ponto, vai para o Tropenmuseum, um museu dos trópicos dedicado à etnologia, ou seja, traz demonstrações artísticas modernas e clássicas no âmbito da antropologia cultural e social a fim de apreciar as diversas culturas das civilizações.

Essa é a importância da multiculturalidade em Amsterdam, então se existe um país, região e cidade que você, brasileiro, será bem recebido sem dúvida alguma ela é a Veneza do Norte!

Ainda, quando se trata de culturas artísticas, a cidade também entrega muitos, por isso vamos indicar os museus favoritos dos viajantes:

  • Rijksmuseum (Museu Nacional da Holanda);
  • Van Gogh Museum;
  • Stedelijk Museum;
  • Casa de Anne Frank;
  • Museu Van Loon;
  • Muse Rembrandt.

Sabia que uma vez por ano todos os museus de Amsterdam ficam abertos das 19h às 2h? E o melhor: com um único ingresso você pode visitar todos eles! É a Noite dos Museus, ou Museum Nacht.


Mais atividades culturais e pontos turísticos em Amsterdam:

  • Memorial Nacional aos Mortos;
  • Heineken Experience;
  • Madame Tussauds;
  • De Nieuwe Kerk (Igreja Nova);
  • Vondelpark;
  • Leidseplein (a praça para "não dormir nunca");
  • Albert Cuyp Market;
  • Bairro da Luz Vermelha (Amsterdam red Light District);
  • Biblioteca Pública de Amsterdam (Open Bare Bibliotheek);
  • BloemenMarkt (Mercado de Flores de Amsterdam)

Amsterdam ainda é cheia de eventos culturais ao longo do ano. O mais conhecido deles, o Dia do Rei, é um verdadeiro carnaval holandês!


Ficou animado para conhecer a capital do Reino dos Países Baixos? Então já prepara o seu roteiro de viagem para o país! Ah, lembre-se que para conhecer os Países Baixos é obrigatório contratar um seguro viagem. Mas não se preocupe, a Real Seguro Viagem te ajuda a desbravar Amsterdam protegido! Clique e escolha o melhor plano para você:


Imagem de Perfil do autor

Jornalista que adora ouvir e contar histórias, especialmente se for sobre viagens